Mais de 60 alunos das escolas públicas de Primavera do Leste participam desde o mês de agosto do projeto cultural com temática ambiental “Cinema no Mato”. A iniciativa é desenvolvida pelo Instituto Equipav, em parceria com o Ponto de Cultura do município e a Águas de Primavera, concessionária administrada pela Nascentes do Xingu. O objetivo é trabalhar a produção de cinema e vídeo, com temas ligados a preservação do meio ambiente, além da conscientização o projeto fará a profissionalização desses jovens de 14 a 20 anos na área de audiovisual.

De acordo com o coordenador do Cinema no Mato, Wanderson Lana, os estudantes participam de oficinas de audiovisual, ministradas por oito professores. São três turmas, divididas em dois polos, no bairro Primavera III e no Centro Cultural, sede do Ponto de Cultura. As aulas tem a duração de duas a três horas, cinco vezes por semana.

Conforme Lana, o projeto oferece, além das aulas de conscientização ambiental, cursos de edição de vídeo, manuseio de equipamentos cinematográficos, interpretação para TV e cinema, filmagem, direção de arte, fotografia e montagem, construção de roteiro, oficina de gravação, produção e desenvolvimento de curtas metragens de ficção e documentário.

“A atividade ainda garante o direito ao acesso aos bens de produção cultural com aulas totalmente gratuitas e com uma grande preparação para o mercado de trabalho. Os alunos que se destacarem durante o projeto serão selecionados como monitores para as próximas etapas”, explica.

Segundo o coordenador, a atividade terá o desfecho em dezembro de 2014, com a exibição dos curtas desenvolvidos. Wanderson ainda ressalta que o projeto será desenvolvido em outros municípios de Mato Grosso, permitindo uma maior abrangência, principalmente em regiões que desconhece os mecanismos e processos para a produção audiovisual.

“O objetivo é que esses vídeos tenham um efeito multiplicador de conhecimento para que as pessoas compreendam a importância da preservação do meio em que vivemos”, destaca.

Share Button